Programação de Apresentação de Comunicações

Não conseguiu acessar a carta em seu e-mail? Clique em CARTAS DE ACEITE e efetue o download da sua carta. Cada uma está com o nome do respectivo proponente.

          _______________________________________________________________________________________________________________

 

AS APRESENTAÇÕES SERÃO REALIZADAS NO ED. BÁRBARA WEIMBERG – CCHN – PRÉDIO DA PÓS-GRADUAÇÃO E NO AUDITÓRIO DO IC – II!

TODAS AS COMUNICAÇÕES OCORRERÃO DAS 09 às 12 h!!!!

 

DIA 27 DE ABRIL DE 2015:

AUDITÓRIO DO IC – II: COMUNICAÇÃO COORDENADA: O SÉCULO XIX EM PERSPECTIVA – COORDENADORA PROFª. DRª ADRIANA P. CAMPOS

1 – Ms. Rafaela Domingos Lago – Da Lei à Prática: o parentesco ritual nas normas eclesiásticas e no cotidiano da Freguesia de Nossa Senhora da Vitória - ES (1850-1871)

2 – Kátia Alves Bandeira – Iudicium e emancipatio: a luta por liberdade nos Tribunais.

3 – Thiara Bernardo Dutra –  Nas tramas do poder: Representação E Integração Social Na Capitania Do Espírito Santo (1781/1821).

4 – Alynne Cristina de Oliveira Vieira – Sob a pena dos juristas: a emancipação dos escravos no Brasil.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 104: COMUNICAÇÃO COORDENADA: REGIME CIVIL-MILITAR BRASILEIRO – COORDENADOR PROF. DR. VALTER P. PEREIRA

1 – Dr. Valter Pires Pereira – Entre o passado e o futuro: incompletude da modernização autoritária e excludente, no Brasil.

2 – Dr. Ueber José de Oliveira – Elites políticas e transformações econômicas, no Espírito Santo, no contexto do Regime Civil-militar (1964-1979).

3 – Ms. Auxilia Ghisolfi Freitas – Autonomia e pragmatismo: a política externa independente e o ecumenismo responsável.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 208: O ESPÍRITO SANTO EM PERSPECTIVA (2)

1 – Ms. Adilson Silva Santos (COORDENADOR) – Bernado Horta de Araújo e o Homestead.

2 – Ms. Diones Augusto Ribeiro – A superação da representação do atraso como caminho para o progresso: o governo Arthur Gehardt e os Grandes Projetos de Impacto (1971-1975).

3 – Ms. Rafael Cerqueira do Nascimento – A narrativa histórica do atraso: um desafio historiográfico do Espírito Santo.

4 – Bruna Wandekoken & Marcos Aurélio dos Santos Vertelo – Memórias em disputa: Ex-governador Francisco Lacerda de Aguiar, uma memória emergente na ditadura do Espírito Santo.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 213: ECOLOGIA E MEMÓRIA E RAÇA

1 – Ms. Alyne dos Santos Gonçalves (COORDENADORA) – Augusto Ruschi: pensamento ecológico e estratégicas políticas de conservação da natureza na esfera pública capixaba (1930-1970).

2 – Ms. Filipe Marinho Duarte - História ambiental e economia cafeeira em Minas Gerais (1850/1930).

3 – Aline Cristina da Silva Oliveira – Na América Portuguesa do século XVI, histórias e narrativas da fauna.

4 – Andréa Marcia Pinto – Repensando a Negritude em Sala de Aula.

5 – Ingrid Oyarzábal Schmitz – A novella das seis sob uma perspectiva histórica: Lado a Lado e suas possibilidades.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 304: O ESPÍRITO SANTO EM PERSPECTIVA (1)

1 – Ms. Amarildo Mendes Lemos (COORDENADOR) – O Partido Proletário nas eleições de 1935: Gilbert Gabeira diante do confronto entre o Partido Social Democrático e o Partido da Lavoura no Espírito Santo.

2 – Ms. José Candido Rifan Sueth – Dilemas de um historiador: narrativas indicam a existência de uma identidade política capixaba?

3 – Ms. Paulo Cesar Ruas Oliveira Santos – Ponto de equilíbrio: tradição e planejamento como vetores da recomposição e do desenvolvimento socioeconômico em Venda Nova do Imigrante.

4 – Ms. Solange Faria Prado – um estudo das relações de poder na colônia de ingleses no sul do Espírito Santo a partir das contribuições conceituais de Reinhart Koselleck.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 308: HISTORIOGRAFIA E REVISIONISMO

1 – Dr. Josemar Machado de Oliveira (COORDENADOR) – Dois “revisionismos” revisitados: um estudo das diferenças e semelhanças dos revisionismos historiográficos das Revoluções Inglesa e Francesa.

2 – Ms. Marcus Telles – O tempo levado a sério: figuras do narrativismo em "Knowledge of the Past", de Louis Mink.

3 – Ms. Debora Cristina Alexandre Bastos e Monteiro de Carvalho – Domingos Antônio de Sousa Coutinho: Visões da historiografia.

4 – Filipe Lomba – O nobre na França pré-revolucionária na obra de Alexis de Tocqueville: o uso das terminologias de Roger Chartier.

_______________________________________________________________________________________________________________

DIA 28 DE ABRIL DE 2015:

AUDITÓRIO DO IC – II: COMUNICAÇÃO COORDENADA: O SÉCULO XIX EM PERSPECTIVA – COORDENADORA PROFª. DRª ADRIANA P. CAMPOS

1 – Dr. Ricardo Alexandre Ferreira – Uma outra e a mesma escravidão: uma análise historiográfica das relações escravistas em áreas de criação e produção de alimentos no Brasil do século XIX.

2 – Dr. Rodrigo da Silva Goularte – Entre Viajantes e Governantes: vilas, sertões e indígenas no Espírito Santo – primeiro quartel do oitocentos.

3 – Ms. Kátia Sausen da Motta – As culturas políticas das eleições: possibilidades e desafios para os estudos sobre a cidadania do Oitocentos.

4 – Ms. Alexandre de Oliveira Bazílio de Souza – Justiça e eleições: impressões e usos do passado (1852-1932).

5 – Ms.  Jorge Vinícius Monteiro Vianna – A Independência como Conceito.

6 – Arthur Ferreira Reis – Rei, Clero e Republicanos: as representações nos jornais Spectador Nacional e O Verdadeiro Liberal no ano de 1826.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 104: OLHARES SOBRE A HISTÓRIA DA AMÉRICA

1 – Dr. Fábio Murici dos Santos (COORDENADOR) – Natureza, História e Ética na radiografia do pampa de Ezequiel Martínez Estrada.

2 – Ms. Daiana Pereira Neto – História e literatura de viagem: considerações acerca de Domingo F. Sarmiento e Paul Groussac.

3 – Ms. Luiz Noboru Muramatsu – Vozes da fronteira: resgate da memória camponesa.

4 – Ms. Tito Souza da Silva – O homem e a perspectiva da eternidade: notas sobre o pensamento iluminista do século XVIII.

5 – Fabio Teixeira Oliver – O Libertador está vivo: Uso e reinvenção do mito bolivariano no governo de Hugo Chávez.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 204: COMUNICAÇÃO COORDENADA: IDENTIDADE E ALTERIDADE NO OCIDENTE MEDIEVAL – COORDENADOR PROF. DR. SÉRGIO FELDMAN

1 – Jordania Lopes de Freitas – A produção da identidade cristã e da alteridade judaica a partir da Disputa de Tortosa, Hispânia.

2 – Roni Tomazelli – Para onde foram as bruxas? Os estudos históricos sobre a bruxaria tardo medieval.

3 – Raphael Leite Reis – Historiografia e revisionismo na polêmica antipelagiana.

4 – Anny Barcelos Mazioli – Corpo e carnalidade na Península Ibérica do século XIV: entre a disciplinarização católica e a sensualidade islâmica.

5 – Karla Constâncio de Souza – Guerra Santa e violência antijudaica: reflexões sobre os pogroms da Primeira Cruzada na Renânia dos séc. XI-XII.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 208: COMUNICAÇÃO COORDENADA: PERSPECTIVAS SOBRE A MODERNIDADE IBÉRICA – COORDENADORA PROFª. DRª PATRÍCIA MERLO

1 – Ms. Fernando Santa Clara Viana Junior – Do marcante ao delicado: a transição do paladar e o consumo de víveres em Portugal entre os séculos XVII-XVIII.

2 – Júlio César Costa Silva – O ministro, o Fidalgo e as Cortes: Política lusitana no século XVIII sob a ótica de Sebastião José de Carvalho e Melo.

3 – Guilherme Marchiori de Assis – As trajetórias ilustradas de António Nunes Ribeiro Sanches e do Marquês de Condorcet: suas visões sobre o primado da educação.

4 – Jansen Gusmão Salles – O antijesuitismo como instrumento reformador do ensino luso: notas de pesquisa sobre o Compêndio Histórico (1771).

5 – Ana Lúcia de S. Abenassiff – Inauguração da estátua equestre de D. José I: o discurso do juiz do povo.

6 – Juliano Gomes – A Estátua Equestre de D. José I e o legado pombalino na reconstrução de Lisboa.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 213: DISCURSO MÉDICO E REPRESENTAÇÕES SOBRE A MORTE (1) – COORDENADORA Dra. OLGA MARIA SOUBBOTNIK

1 - Drª. Ana Augusta W. R. Miranda & Ana Paula L. Marques – O homem como ser vivo e como sujeito: reflexões sobre a psicanálise no campo da saúde a partir de uma narrativa clínica.

2 – Drª. Cláudia Murta – O autômato e seu corpo.

3 – Drª. Renata Costa-Moura Dzu & Tatiane Vieira Oliveira – o discurso do cogito cartesiano e suas implicações na institucionalização da loucura.

4 – Junia Helena Ferreira dos Santos & Leonardo Perovano Camargo – Histórias observadas: os seres humanos e as práticas corporais nos espaços público e privado.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 308: DISCURSO MÉDICO E REPRESENTAÇÕES SOBRE A MORTE

1 – Ms. Julia Freire Perini (COORDENADORA) – A morte e suas representações: construção dos cemitérios em Vitória (1856-1912).

2 – Viviane Comunale – Triste Separação: Histórias de amor retratadas nas esculturas profanas nos cemitérios paulistanos.

3 – Gabriela Loureiro Barcelos – O Mal Variólico na Província do Espírito Santo.

4 – Eduardo Nunes Álvares Pavão – O discurso médico e a criação de um “cordão sanitário” nos arrabaldes do Rio de Janeiro: O Asilo de Meninos Desvalidos (1875-1894).

_______________________________________________________________________________________________________________

DIA 29 DE ABRIL DE 2015:

AUDITÓRIO DO IC – II: COMUNICAÇÃO COORDENADA: RELATOS, PERSONAGENS E PESQUISA HISTÓRICA. UNIVERSIDADE E DITADURA: ACERVOS, MEMÓRIAS E HISTORIOGRAFIA – COORDENADOR PROF. DR. PEDRO ERNESTO FAGUNDES.

1 – Ms. Dinorah Lopes Rubim Almeida – A narrativa da nova história política: representações dos subterrâneos da historiografia.

2 – Ayala Rodrigues Oliveira Pelegrine – A escalada da repressão na Universidade Federal do Espírito Santo: os anos de 1972 e 1973.

3 – Gabriela Rodrigues de Lima – O militante, a organização e a memória da resistência.

4 – Herbert Soares Caçador – Os Grupos de Onze Companheiros: Repressão e Anticomunismo no Município de Muniz Freire – ES.

5 – Leonardo Baptista – O conceito de cultura política: das origens na ciência política norte-americana à historiografia contemporânea.

6 – Marcello França Furtado – A relação do historiador com o arquivo fotográfico como fonte de pesquisa histórica: estudo a partir do Acervo da Delegacia de Ordem Política e Social do Espírito Santo – DOPS/ES.

7 – Luis Fernando da Silva Brumana – Habermas e a censura na trajetória da imprensa brasileira.

8 – Ramilles Grassi Athaydes – O Movimento Estudantil da UFES na visão do DOPS/ES (1975-1986).

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 104: COMUNICAÇÃO COORDENADA: HISTÓRIA, TEORIA E HISTORIOGRAFIA – COORDENADOR PROF. DR. JÚLIO CÉSAR BENTIVOGLIO

1 – Ms. Marcelo Durão Rodrigues da Cunha – Problema científico ou crise de consciência? O debate historiográfico em torno da "Crise do Historicismo".

2 – Bruno César Nascimento – Historiografia: a torre de Babel da História. Os desafios de um campo em permanente movimento.

3 – César Haueisen Zimerer Perpétuo – A criação da American Historical Association e o desenvolvimento da historiografia americana.

4 – Hugo Ricardo Merlo – A recepção da obra de Spengler entre intelectuais brasileiros nas décadas de 20 e 30.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 113: COMUNICAÇÃO COORDENADA: ETNIA, RAÇA E NAÇÃO NO PENSAMENTO LATINO-AMERICANO DO SÉCULO XX: AS CONTRIBUIÇÕES DE JOSÉ INGENIEROS, JOSÉ MARÍA ARGUEDAS E SUBCOMANDANTE MARCOS – COORDENADORA Ms. GRAZIELA MENEZES DE JESUS

1 – Ms. Graziela Menezes de Jesus – José María Arguedas e a narrativa da nação peruana: um estudo sobre Yawar Fiesta.

2 – Ms. Marcela Vitali – Literatura rebelde zapatista: a produção e a escrita do subco-mandante insurgente Marcos.

3 – Ruth Cavalcante Neiva – A questão da raça no pensamento de José Ingenieros.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 204: COMUNICAÇÃO COORDENADA: IDENTIDADE E ALTERIDADE NO OCIDENTE TARDO ANTIGO – COORDENADOR Ms. JOSÉ MÁRIO GONÇALVES

1 – Ms. Fabiano de Souza Coelho – História e Representações: a natureza humana nos escritos de Jerônimo e Agostinho.

2 – Ms. Ludmila Noeme Santos Portela – A Virgem e as outras: a imagem idealizada da mulher medieval.

3 – Ms. Luís Eduardo Formentini – O modelo constantiniano nas realezas germânicas tardo-antigas.

4 – Maria Emília Helmer Pimentel – A relação entre o discurso agostiniano e o matrimônio: o lócus da prática da sexualidade ordenada.

5 – Laila Lua Pissinati – As representações do feminino no ideário do matrimonio em Portugal no Baixo Medievo.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 208: ANTIGUIDADE: PERSPECTIVAS HISTORIOGRÁFICAS

1 – Drª. Érica Cristhyane Morais da Silva (COORDENADORA) – Guerra, medicina e cavalos na Antiguidade Tardia.

2 – Ms. Antônio Leandro Barros – Do retratar retratos: os seres vivos do Livro 35 de Plínio.

3 – Ms. Joana Paula Pereira Correia - Perfeição e virtude cristã no discurso anti-maniqueu de Agostinho de Hipona.

4 – João Carlos Furlani – A imagem da imperatriz Élia Eudóxia: um confronto de representações na Antiguidade Tardia.

5 – Gabriel do Nascimento Barbosa – Os conflitos em Antioquia de Orontes e seu impacto na Imagem de César Galo.

6 – Helena Borin Peixoto de Rezende - O Imperador Juliano sob nova perspectiva historiográfica.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 308: INDIOS, VIAJANTES E REPRESENTAÇÕES

1 – Ms. Marcela Sarnaglia (COORDENADORA) – Olhares franceses sobre o Espírito Santo: uma breve análise dos relatos de viagem de Auguste Saint-Hilaire e Auguste François Biard.

2 – Ms. Leonardo Nascimento Bourguignon – Valentes, diabólicos, invencíveis e aliados: goitacazes, temiminós, portugueses e franceses na Capitania do Espírito Santo.

3 – Ms. Thais Chang Waldman – Narrativa e Representação Histórica: a (re)construção do mito bandeirante na São Paulo da década de 1920.

4 – André Mariano Neri – Um “advogado-vermelho” em terras da comarca de São Jorge dos Ilhéus: o caso do índio botocudo “Tio Barrigudo”- 1854.

5 – Jéssica Lopes Pandolfi – Índios Botocudos do Espírito Santo representados por Paul Ehrenreich.

_______________________________________________________________________________________________________________

DIA 30 DE ABRIL DE 2015:

AUDITÓRIO DO IC – II: COMUNICAÇÃO COORDENADA: IMIGRAÇÃO: QUESTÕES CONTEMPORÂNEAS – COORDENADORA PROFª. DRª. MARIA CRISTINA DADALTO

1 – Ms. Fabiene Passamani Mariano – A Família Patriarcal Contemporânea.

2 – Ákilla Lonardelli – Transformações sociais e espaciais no bairro Movelar a partir da ideia de progresso.

3 – Madson Gonçalves da Silva – Espírito Santo: Trajetórias migratórias para a Cidade

4 – Raul Félix Barbosa – Vivendo o sonho americano contemporaneamente: as causas da imigração brasileira nos Estados Unidos além das questões econômicas

5 – Silvana Maria Gomes da Rocha – Haussmann e a Praça Jerônimo Monteiro em Cachoeiro de Itapemirim no início do século XX.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 204: MITOLOGIA, NARRATIVA E GÊNERO

1 – Ms. Edelson Geraldo Gonçalves (COORDENADOR) – Kitsune: A Mitologia das Raposas Japonesas nos Escritos de Lafcadio Hearn.

2 – Ms. Layli Oliveira Rosado – O judeu virtuoso para Maimônides: a importância do estudo da Lei judaica no Livro da Sabedoria (1180).

3 – Sara Carvalho Divino – A perspectiva masculina na prática prófetica por meio dos sonhos na saga de Njál.

4 – Victor Brito Pessotti – Relações humanas: A traição em Kalila e Dimna.

5 - Wellington Rogério da Silva - Seres vivos, mulheres mortas e ressurreição do feminino na narrativa de Assia Djebar

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 208: SÉCULO XX: NARRATIVAS HISTÓRICAS

1 – Drª Marcia Barros Ferreira Rodrigues (COORDENADORA) & Me. Claudio Marcio Coelho – Gilberto Freyre e Walter Pater: Narrativas, sinestesia e religião em Casa-Grande e Senzala.

2 – Ms. Priscila Musquim Alcântara de Oliveira – O Tratado de Comércio e Navegação entre Brasil e Portugal e os esforços da Associação Comercial Portuguesa em estimular as relações comerciais luso-brasileiras (1933-1945).

3 – Cleber Ferreira dos Santos – Intelectuais brasileiros e as representações do subdesenvolvimento: o Instituto Superior de Estudos Brasileiros (iseb) na década de 1950.

4 – Wander Luis Demartini Nunes – Escritos Políticos de Thomas Mann.

5 – Jéssica de Andrade Espindula – O trabalho e a morte em Auschwitz.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 213: COMUNICAÇÃO COORDENADA: DOENÇAS E A ASSISTÊNCIA A SAÚDE NO ESPÍRITO SANTO DO OITOCENTOS – COORDENADOR PROF. DR. SEBASTIÃO PIMENTAL FRANCO

1 – Dr. Sérgio Marlow – As doenças entre os primeiros grupos de imigrantes alemães no Espírito Santo: questões introdutórias.

2 – Dr. Andre Luís Lima Nogueira – A produção de saberes médicos e a epidemia de cólera no Império (c.1855).

3 – Ms. José Mauriene de Araujo Felipe – Doenças e mortalidade de escravos no Brasil Oitocentista: breve exame da produção historiográfica recente (2004-2014).

4 – Cintia Moreira da Costa – A drenagem e aterro do Mangal do Campinho como estratégia de combate ao beribéri em Vitória (1908 – 1912) – Notas sobre um equívoco etiológico.

5 – Karolina Dias da Cunha – Os múltiplos olhares da História da Medicina e da Saúde Pública brasileira.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 304: SÉCULO XIX: CULTURA POLÍTICA

1 – Dr. Fábio Francisco de Almeida Castilho (COORDENADOR) - O processo de abolição na imprensa periodista alagoana (1870-1888).

2 – Ms. Leandro Quintão – Construções da escravidão no jornal A província do Espírito Santo.

3 – Ms. Paula Ribeiro Ferraz - A cultura política da conciliação: debates historiográficos sobre o Brasil do oitocentos.

4 – Levy Soares – Uma cidade entre dois mundos: Vitória narrada no fim do século XIX.

---------------------------------------------------------------------------------------------

SALA 308: RELIGIÃO: ABORDAGENS E NARRATIVAS

1 – Ms. Alexandre Luis de Oliveira (COORDENADOR) – Perspectiva transnacional: o processo de recatolização no Brasil e Portugal encabeçado pelos cardeais Sebastião Leme e Manuel Cerejeira no início do século XX.

2 – Ms. Daniel Eveling da Silva – A questão da religião e religiosidade em Stendhal: alguns aspectos das relações com o divino.

3 – Ms. Paulo Henrique Silva Pacheco – A onda e o "Rochedo sólido": uma análise da crise da Congregação Beneditina Brasileira a partir da narrativa histórica de 1870 até 1927.

4 – Dirceu Ferreira Barbuto & Liliana Medina da Silva – A pintura mural sacra de Antonio Nardi: uma análise da restauração da obra "Dipinti Murali Madonno, Gesu e Santi" (1957).

5 – André de Araújo de Oliveira – A importância dos bispos na cristianização da Islândia medieval.

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910